Início » NBA 2KVR Experience (PS4 / PS VR e PC / HTC Vive) – Review – ReVinha
Destaque Reviews ReVinha

NBA 2KVR Experience (PS4 / PS VR e PC / HTC Vive) – Review – ReVinha

NBA 2KVR te diverte por 15 minutos, mas é o suficiente

NBA 2KVR é mais uma experiência de realidade virtual que chega aos computadores e também no PS4, via óculos de realidade virtual. Pudemos testar o game no PlayStation VR e chegamos a uma conclusão simples: não é exatamente um jogo, mas sim uma experiência digital que até impressiona, mas por pouco tempo.

No papel de um “astro do basquete” não identificado o jogador deve realizar cestas de forma criativa e diferenciada. Mas, em vez de utilizar controles com sensor de movimento para a tarefa. É preciso manusear um joystick padrão, no caso o Dual Shock 4, para controlar as jogadas – e sua cabeça para movimentar a mira.

Funciona exatamente assim: com a cabeça o jogador mira na cesta e dispara a bola com um apertar de botão. É preciso, em seguida, mirar novamente na bandeja de bolas, para pegar a próxima e continuar pontuando.

Quem espera jogar uma partida inteira de basquete com este game pode se decepcionar. São apenas minigames, no melhor estilo das exibições feitas por astros da NBA nos EUA, que são mais rápidos do que se pensa. Piscou, perdeu.

Mas até que divertem. Por um preço bem em conta, cerca de US$ 15, o jogador leva para casa um minigame para seu visor de realidade virtual favorito e que pode divertir e impressionar alguém para quem você deseja demonstrar a tecnologia.

Há alguma progressão, o que é bom. É possível fazer pontos, bater recordes e ganhar moedas virtuais, que te permitem comprar bônus, que por sua vez facilitam as certas em alguns momentos das provas. Mas o conteúdo é limitado e fatalmente não vai durar pouco mais de 30 minutos nas mãos mais exigentes.

Conclusão

NBA 2KVR é uma experiência interessante, bem diferente, mas que dura muito pouco. Ainda assim, o preço em conta pode agradar quem busca diversão rápida, sem falar que é indicado para os amantes de basquete. O “jogo” se faz pelos minigames e pela progressão com moedas que o jogador obtém.

 

Sobre o Autor

Foto de perfil de Felipe Vinha

Felipe Vinha

Jornalista por opção e por formação. Tenta não se viciar muito nos joguinhos eletrônicos, mas não tem jeito, eles são infalíveis na hora de arrancar dinheiro do nosso bolso.

Comentários

Loading Facebook Comments ...

Adicionar comentário

Clique aqui para comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Último Vídeo – GameFM – YouTube

Media Kit GameFM
Debug Mode - Podcast
GameFM Play
Mesa do Fliper






Pular para a barra de ferramentas