Destaque Reviews ReVinha

Sword Art Online: Fatal Bullet (PC, PS4, Xone) – Review – ReVinha

Sword Art Online: Fatal Bullet nem parece um jogo da série
Quando foi anunciado, sabíamos que Sword Art Online: Fatal Bullet seguiria os fatos da temporada mais atual de Sword Art Online. Por conta disso, sabíamos também que o game mudaria, fatalmente (com o perdão do trocadilho), seu estilo principal de jogabilidade. Porém, não sabíamos que mudaria tanto assim.
Lançado no PS4, Xbox One e PC, Sword Art Online: Fatal Bullet é um título que te coloca novamente no mundo virtual criado no desenho animado, mas agora inspirado por games de tiro em primeira e em terceira pessoa, com inspirações ainda em jogos japoneses neste mesmo estilo – bem claras, aliás.
O game agora está mais complexo que suas versões passadas. Desde a movimentação pelos cenários, que agora incluem coberturas, passando pelos botões que operam suas armas. Aliás, as armas são o ponto alto deste novo SAO. Elas são personalizáveis, você pode trocar, configurar da forma que bem entender, modificar de acordo com sua realidade no combate, enfim. O game foi feito com base no mundo onde se passa o anime, então é de se esperar que este tipo de novidade apareça.
Porém, a jogabilidade oferece uma certa variedade. Seu herói pode atacar não apenas com armas de fogo, mas também com armas brancas. Além disso, é possível cooperar com grupos de NPC, que te ajudam nos ataques. Ao longo do caminho você conta até mesmo com a colaboração de personagens que aparecem no anime, como Kirito, Sinon e Asuna – o que é muito legal, já que estamos falando de um jogo de anime, claro.
Por outros motivos, Sword Art Online: Fatal Bullet pode ser considerado o melhor da série. O título é complexo o suficiente para te manter grudado nele por algumas horas, além de ter muitas missões principais e paralelas, como um bom RPG – que continua simulando um MMORPG, aliás. Mas graças a um novo sistema de diálogos e escolhas, ele deixa de ser aquele game “sem vida” dos passados e passa a ser uma experiência renovada, mais interessante.
É claro que, como em todo SAO, em Sword Art Online: Fatal Bullet você também tem um ponto de simulador de relacionamentos. E até nisto os produtores trabalharam melhor. Nada é tão forçado e o jogo te deixa fazer tudo de forma mais ou menos natural. Há recompensas reais por desenvolver relacionamentos com as pessoas, como itens raros ou benefícios para seu herói, então tente investir algum tempo para ir além.
Sword Art Online: Fatal Bullet também tem ótimos gráficos para um jogo deste tipo. Se os anteriores se mostraram ser um jogo de anime de visual mediano, aqui eles se esforçaram um pouquinho mais e colocaram a qualidade em um patamar acima. Ainda não é exatamente a melhor qualidade que podemos alcançar, mas é, sim, um jogo bem bonito.
Conclusão
Por mais que exista muita gente que não curta o anime original, Sword Art Online: Fatal Bullet faz um bom trabalho em ser um game de qualidade, que pode agradar mesmo estas pessoas. Gráficos bonitos, bons sistemas de relacionamento, combate interessante. Há muitas qualidades aqui, comparadas às poucas falhas. No geral, é um bom jogo baseado em um anime popular, então todos saem ganhando.

Sobre o Autor

Rodrigo de Souza

Game Designer, Professor e Pai (Não nessa ordem).
Gamer também, quando dá tempo.

Comentários

Loading Facebook Comments ...

1 Comentário

Clique aqui para comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Media Kit GameFM
Debug Mode - Podcast
GameFM Play
Mesa do Fliper