Destaque Notícias

Games vão ganhar selo dizendo que “Videogame também é cultura”

 

Mostra Play

 

A Ministra Marta Suplicy deve estar com a orelha quente de tanto que se fala nela.

A comunidade brasileira de games preparou mais uma bela alfinetada (daquelas de leve) para expressar a sua revolta não apenas com a declaração dela de que “Game não é cultura”, como também a não contemplação dos games no Vale-Cultura.

Em breve, os jogos vendidos no Brasil virão com o selo “Videogame também é cultura.”

O objetivo não é apenas alfinetar a Ministra, claro, mas conscientizar o público não-gamer de que cultura é muito mais do que cinema, teatro e exposições. E convenhamos, podemos comprar revistas de vários tipos, mas não podemos comprar games, parece meio contraditório não?

A declaração da Ministra deixou muito claro que parte do público brasileiro não sabe nada sobre games, suas influências e seus objetivos bem como , muitas vezes, o profundo estudo de história, ciência, etc, que é necessário fazer para criar um game e o quanto aprendemos com eles.

O selo é uma excelente ideia para conscientizar esse público do valor que o game tem e sua inevitável posição no futuro de todos nós.

A equipe da GameFM fez um podcast sobre o assunto. Ouça aqui.