Destaque Notícias

Diretor Criativo da Microsoft não entende porque a revolta com o Xbox 720 always on

 

Xbox-Logo

 

O Diretor criativo da Microsoft Adam Orth não entendeu porque a “revolta” em torno do conceito dos consoles exigirem conexão permanente com a Internet para funcionarem.

Falando em sua conta no Twitter (que agora é fechada), Orth disse “desculpe, eu não entendo a “revolta” em ter um console ‘always on’. Todo aparelho hoje é ‘always on’. Este é o mundo aonde vivemos. #dealwithit (‘lidem com isso’ em uma tradução livre)

Adam Orth entrou para a Microsoft em 2012 como diretor criativo de um projeto ainda não anunciado. Ele trabalhou anteriormente em God of War 3, Star Wars: The Force Unleashed II e na série Medal of Honor.

Em resposta a Orth, o designer de gameplay da BioWare Manveer Heir disse : “Você não aprendeu nada com Diablo III ou SimCity? Você sabe que em muitos lugares a Internet cai, certo? ‘Lidem com isso’ é uma razão idiota.”

“A eletricidade também cai,” disse Orth em resposta.

“O sinal de celular aonde moro é instável e ruim. Não vou comprar um,” disse Orth brincando.

Orth posteriormente se desculpou pelos comentários. O debate veio depois de rumores que dizem que o novo Xbox vai exigir conexão permanente com a internet para carregar os jogos e aplicativos e que todos os jogos vão entrar em suspensão caso o console fique offline por mais de três minutos.

Durante o anuncio do PlayStation 4, a Sony alegou que o próximo PlayStation não vai exigir conexão permanente.

Tanto Sony quanto Microsoft exploraram, no passado,  maneiras de bloquear jogos usados com conexões permanentes à Internet.