Destaque Notícias

Conheça o sofrimento da 4A para desenvolver Metro: Last Light


Você reclama de ter que acordar cedo pra trabalhar?

E nos dias de calor? Ar condicionado é obrigatório né?

Estamos longe de ter condições perfeitas de trabalho, mas não é tão ruim né? Ou é?

Pois é. Depois de saber das condições de trabalho da equipe de desenvolvimento da Ucraniana 4A, talvez você mude sua opinião.

O ex presidente da THQ, Jason Rubin, esteve na Ucrânia para visitar a 4A e ficou espantado com as condições de trabalho por lá.

Pra começar, o escritório é pequeno. Bem pequeno. Os funcionários trabalham quase ombro a ombro.

As cadeiras? São aquelas dobráveis, tipo de bar, mas de madeira, como aquelas de casamentos ao ar livre que vemos em filmes.

O Rubin  tentou ajudar e comprar novas cadeiras para a equipe, mas não haviam distribuidoras no país. As cadeiras, então, tinham que vir da Polônia, mas isso, além de triplicar o preço, implicaria em outro problema, as mesas. As novas cadeiras seriam grandes demais para as mesas, então seria necessário trocar as mesas também. Tudo isso seria muito legal, mas as mesas não caberiam na sala da 4A, então seria necessário alugar uma outra sala. Ou seja, esquece…

Mas bom, isso da pra contornar, a gente traz umas almofadas de casa e nosso bumbum não sofre tanto né? Problema resolvido, vamos trabalhar…até que falta luz. Pois é, a equipe da 4A teve que vários problemas de falta de energia em seu escritório. O problema era tão frequente que eles foram obrigados a alugar um gerador para poderem trabalhar. E eles tinham prazos e metas como qualquer um.

E você aí que falou do calor. Imagina trabalhar de terno, no sol, em pleno verão. Chega a doer né? Agora trasforma todo esse calor em frio. Imagina o que é trabalhar no inverno Ucraniano! Ué, mas não tem aquecedor? Tem sim, o governo da Ucrania disponibiliza água quente pra todo mundo. Só que essa agua não chega no escritório da 4A!! Ou seja, a equipe era obrigada a trabalhar em uma sala sem aquecimento, encarando um frio que não é qualquer frio não, é algo semelhante ao frio que derrotou Hitler e Napoleão nas guerras à Rússia, pois quando o Leste Europeu fica frio, ele está falando sério.

O mais legal de tudo é que mesmo com todas estas adversidades, a 4A fez um trabalho incrível com Metro: Last Light e devemos prestigiar o jogo não por pena de todo o sofrimento que a 4A passou, mas porque a qualidade do jogo é acima da média de muito jogo de empresa que oferece ar condicionado, cafezinho, refrigerante e até sala de repouso!

Imagino se o ambiente pós-apocalíptico do jogo não seria uma alegoria às condições de trabalho da 4A Games…