Destaque Notícias

Kinect não será mais obrigatório no Xbox One

Só faltava essa. Depois de mudar suas políticas em relação ao DRM, a Microsoft da mais uma guinada e anuncia que o Xbox One não exigirá mais o Kinect para funcionar.

Em entrevista hoje, o Vice Presidente da Xbox Corporate, Marc Whitten revelou que os donos do console poderão usar todas as principais funções do aparelho mesmo se o Kinect não estiver conectado. Obviamente, as funções ligadas ao sensor como identificação facial, comando por voz e etc., não poderão ser usadas, mas ainda poderemos jogar, ver filmes e por aí vai.

A notícia representa mais uma revisão significativa na política da empresa em relação ao Xbox One. Logo depois da surra da E3, a Microsoft anunciou que mudou seus planos em relação a jogos usados e a exigência de conexão à internet. A resposta veio depois da imensa rejeição por parte do grande público ao console e a resposta da Sony com o PS4 mais barato e sem tais restrições.

Até hoje, a Microsoft dizia que oKinect seria necessário para o funcionamento do console, mas nunca respondeu sobre o que aconteceria se o acessório quebrasse ou parasse de funcionar.

O mais importante de tudo é que, com esta decisão, a Microsoft está livre para lançar uma versão mais barata, sem o Kinect do console e se colocar competitiva com a Sony em termos de preço.

Vamos ver o que vai acontecer daqui para frente.