Connect with us

Hi, what are you looking for?

Notícias

A possível disputa entre navegadores e consoles pelo futuro do mercado dos games

Como navegadores e consoles estão disputando entre si pelo futuro do mercado dos games?

Fonte: Pixabay

O sucesso dos principais consoles no mercado é inquestionável, principalmente nesta geração mais recente. No entanto, mesmo com Sony, Microsoft e Nintendo conseguindo números excelentes de vendas, o futuro dos games pode não ser com esses dispositivos dedicados. O crescimento de jogos para navegadores, assim como novas tecnologias de streaming, estão propondo mudanças na forma de jogar.

Essas alternativas ganharam força, principalmente, com alguns anúncios neste ano. O mais importante aconteceu em março, quando o Google anunciou uma nova plataforma de jogos que funciona exclusivamente nos navegadores. O Stadia ainda é apenas um protótipo, sem data de lançamento, e que promete disponibilizar jogos de última geração em qualquer dispositivo conectado a internet.

Consoles e navegadores

A ideia é utilizar a tecnologia de streaming e usar a força da internet e não apenas do hardware mais moderno. É uma ideia ousada, mas que faz algum sentido pelo crescimento dos navegadores como plataforma para jogos online. Recentemente, a Mojang lançou uma versão de Minecraft para jogar no Chrome, Opera e outros browsers. É uma atitude diferente e vai na mesma direção do novo mercado de games.

Alguns títulos fazem o caminho oposto, ou seja, são um sucesso nos navegadores e depois ganham versões para consoles e PC. Isso aconteceu com o game Spelunky, que foi lançado em 2008 apenas para browser e, tempos depois, ganhou versões para Playstation 4 e até para smartphone. Um sinal de como as duas plataformas já estão mais conectadas do que as pessoas imaginam.

Os jogos em navegadores sempre tiveram presença online, no entanto, não com lançamentos de última geração. É mais comum encontrar opções de arcade simples, emuladores e, principalmente, os populares jogos de apostas e cassinos. O portal de roleta da Betfair, por exemplo, possui diferentes temáticas para esse estilo justamente utilizando opções dentro do browser. Além disso, é também comum encontrar aplicativos que funcionam nas redes sociais, como no Facebook.

Futuro dos games

Apesar da aposta recente do Google com um mundo de games sem consoles, as marcas tradicionais parecem seguir um caminho diferente. A Sony recentemente começou a anunciar algumas das características do Playstation 5. O próximo grande lançamento da marca pode estar mais próximo do que se imagina, com chances de acontecer até no final de 2020. A aposta da empresa é um hardware mais potente e nada de plataforma em navegador.

Advertisement. Scroll to continue reading.

A Microsoft e a Nintendo, principalmente, não devem ficar fora disso. Enquanto a marca norte-americana também deve anunciar novidades em breve, os japoneses comemoram o grande sucesso do Switch. Por isso, é difícil imaginar qual caminho o mercado de games deve seguir. O importante para os fãs é agradecer a pluralidade, já que mais opções são sempre uma boa notícia para quem joga.

Outras empresas também já apostam na tecnologia de streaming, como a francesa Shadow, por isso não é algo exclusivo da Google e sem qualquer perspectiva. São mudanças reais que vão impactar o universo da tecnologia. Assim, resta aos fãs aguardarem os lançamentos e perceberem qual será o cenário dos games no futuro.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rádio GameFM

Twitch

Você também pode gostar

Destaque

A história dos abusos da Activision Blizzard estão ficando cada vez piores após a divulgação do processo feito pelo governo dos EUA. Entenda sobre...

Debug Mode

Em algum momento acabamos nos perguntando se vale a pena pegar 100% em um jogo ou não. Deixar ele incompleto ou pegar tudo o...

Destaque

Do mundo digital à um castelo spoopy. É hora de mais um episódio de Shadow the Hedgehog!

Destaque

Um órgão governamental da Califórnia está processando a Activision Blizzard por dezenas de abusos e acontecimentos graves envolvendo suas funcionárias. E tem coisas horríveis...

Advertisement